Destaques

CAU Ceará estuda alternativas para garantir presença no Território Estadual

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Ceará (CAU-CE) estuda formas para garantir sua presença em outras regiões do estado, além da capital, Fortaleza Segundo o presidente da entidade, Odilo Almeida Filho, a ideia é criar Postos Avançados através de convênios com organizações públicas e privadas, para que representantes locais ajudem a identificar obras e exercício ilegal da profissão e, assim, impulsionar as fiscalizações. A proposta será estudada neste segundo semestre.

“Nós estamos estudando alternativas como realizar convênios com ambientes públicos, para dividir espaços físicos; estabelecer uma metodologia para que alguns arquitetos possam ser eleitos delegados do Conselho, a partir de um Estatuto ou de um Congresso, e nos ajudem tanto nos subsidiando para as ações de fiscalização, como também monitorando outras demandas que a profissão tem no local”, explicou.

Ele ressaltou ainda, como estratégia do Plano de Fiscalização, difundir o uso do aplicativo MobiArq Protagonista para Smartphones, para que as pessoas façam denúncias e o sistema ajude a mapear as ações de fiscalização.

Já o vice-presidente, Delberg Ponce de Leon, também sugeriu fazer parcerias com síndicos de edifícios, que podem informar para o Conselho sobre obras que estão acontecendo nos prédios, prática que já acontece em outros Estados. As ideias foram apresentadas durante a 46ª Reunião Plenária Ordinária e 7ª Reunião do Conselho Diretor que aconteceram no último dia 11 de agosto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS

Escritório cearense vence o Prêmio ArchDaily Brasil Obra do Ano 2024

CAU/CE representado na Conferência Trienal de Fiscalização do CAU/BR

CAU/CE promove minicurso “Marketing digital para arquitetos(as)”

Skip to content