Destaques

MPCE recomenda tombamento do Náutico pelo Estado

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) emitiu recomendação de tombamento pelo Estado do clube Náutico Atlético Cearense, na avenida Beira Mar. O documento será apresentado hoje, na reunião do Conselho Estadual de Preservação do Patrimônio (Coepa), à Secretaria da Cultura do Estado (Secult).

O MPCE afirma que o documento tem intuito de reforçar a proteção do clube, que “constitui um patrimônio cultural material e imaterial, reconhecido como lugar de memória da cidade de Fortaleza”.

O tombamento definitivo já foi realizado pela Prefeitura de Fortaleza, por meio do decreto nº 13.038/2012. Mesmo assim, foi aprovado, em 2013, o Projeto Novo Náutico, que prevê o arrendamento de parte do terreno para construção de torres empresariais, um hotel e um shopping no local. Segundo o MPCE, o projeto compromete quase 70% do clube.

O documento que pede a preservação do espaço foi assinado pelo procurador-geral de Justiça do Ceará, Ricardo Machado, e pela coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Proteção à Ecologia, Meio Ambiente, Urbanismo, Paisagismo e Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural (Caomace), promotora Socorro Brilhante.

Ela destacou que Fortaleza tem se “caracterizado por um desprezo e descuido crônicos quanto à preservação de seu patrimônio histórico, cultural e arquitetônico”. O Náutico foi fundado em 1929.

Uma resposta

  1. Será o quinto equipamento desse gênero a ser afetado pela “explosão” imobiliária na orla de Fortaleza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS

Escritório cearense vence o Prêmio ArchDaily Brasil Obra do Ano 2024

CAU/CE representado na Conferência Trienal de Fiscalização do CAU/BR

CAU/CE promove minicurso “Marketing digital para arquitetos(as)”

Skip to content